Seja bem vindo ao Universo da Aposta

Home » ArtigosNOVIDADESO que que a de novo » Corona vírus – Como apostar durante a pandemia?

ArtigosNOVIDADESO que que a de novo

Corona vírus – Como apostar durante a pandemia?

Consequências da pandemia no mundo das apostas

A pandemia que se instalou em cada canto do mundo no início do ano de 2020 já não é mais novidade para ninguém, certo? Entretanto, ela ainda está ocorrendo com grande força na maioria dos países do mundo e suas consequência vêm, cada vez mais, sendo vistas e sentidas por qualquer população, principalmente pelos países menos desenvolvidos.

Não é novidade também que todos os setores da economia foram afetados com o isolamento recorrente da propagação do corona vírus. É claro que em alguns áreas houve crescimento, como dos produtos eletrônicos e das plataformas digitais.

Isso ocorreu porque estes passaram a serem os métodos que as pessoas acharam para se encontrarem, se relacionarem, trabalharem e por assim vai.

Inicialmente, as apostas foram drasticamente atingidas, principalmente àquelas voltadas aos esportes mais corporais, como futebol, basquete, tênis e outros que precisam da proximidade física para ocorrem.

Como todos os esportes tiveram de aderir à paralização para diminuir a contaminação pela COVID-19, as partidas que serviam como base para o desenvolvimento das apostas pararam de ser realizadas, prejudicando diretamente os investimentos nesse ramo. 

Reinventando as apostas

A partir disso, as realidades tiveram de ser reinventadas por certo período, e pode-se notar uma reviravolta nesse cenário. As apostas começaram a ser praticadas em jogos de e-sports, que ocorrem e são transmitidos de maneira online  e também de esportes que podem ser feitos pelas plataformas digitais, como por exemplo o poker.

Neste último exemplo, foram feitos, no último ano, torneios milionários que reuniram centenas de milhares de indivíduos e investidores, fazendo com que fosse criada uma dinâmica altamente lucrativa dentro disso.

Como nem tudo é para sempre, aos poucos, com o fim da primeira onda de contaminação, os esportes voltaram a ser praticados, seguindo todos os protocolos de segurança, garantindo o retorno dessa grande vertente de entretenimento.

Crescimento das apostas

E é aí que ocorre mais uma reviravolta na situação das apostas esportivas. Com muitas pessoas em casa, ainda de isolamento social, duas coisas acabaram acontecendo com todos, ou havia pouco o que fazer a não ser trabalhar e ficar em casa, ou quem não tinha um emprego que poderia ser feito dentro de casa, acabou sendo demitido, em sua maioria.

Nessas duas situações, o que aconteceu foi uma procura de algo que, no primeiro caso, fosse fonte de entretenimento e diversão e, no segundo caso, fosse uma forma de conseguir ter uma renda extra ou alguma renda, qualquer que fosse.

Sendo assim, para muitos, as apostas foram uma forma de solucionar tais problemas e isso ocasionou um boom bastante notório dentro do sistema de apostas esportivas.

No Brasil

Aqui no Brasil, foi possível acompanhar tal crescimento de forma nítida. As milhares de pessoas que tinham presença e cadeira confirmada nos diversos jogos que ocorriam nos estádios, passaram a ver como possibilidade trocar a emoção de torcer nas arquibancadas por torcer para que sua aposta ganhasse nas casas, o que é também bastante emocionante.

Podemos visualizar essa mudança percebendo o aumento do número de pessoas que conhecemos que fazem apostas. Antes da pandemia, poucos conheciam alguém que tivesse como hobbie ou emprego as apostas esportivas. Entretanto, em 2021, é possível afirmar que quase todo mundo sabe de alguém que exerce esse tipo de atividade.

Outra forma de perceber o desenvolvimento das apostas no território brasileiro foi o surgimento de diversas propagandas de casas de apostas, presentes principalmente nos uniformes de futebol e nos painéis de anúncio dos campos.

Há um pouco mais de um ano atrás essa não era a realidade e foi o crescimento desse ramo que possibilitou que tais situações fossem possíveis.

É claro que, o calor do corpo ao presenciar uma partida no estádio é insubstituível mas, enquanto isso não pode acontecer, uma excelente saída é apostar e viver a ansiedade do resultado esperado.

Voltando ao normal aos poucos

As partidas que foram adiadas no início de 2020, começam agora a entrar nos eixos seguindo o cronograma anual de costume dos campeonatos e torneios. Entretanto, tudo realmente só voltará ao normal quando as torcidas forem novamente permitidas, já que ela faz tudo mudar, inclusive muitos resultados em campo.

Infelizmente isso irá ocorrer somente quando boa parte da população já estiver vacinada, e mesmo assim, seguindo ainda todos os protocolos sanitários para que isso possa se realizar garantindo a segurança para qualquer um que esteja presente.

Meios criativos para não ficar para trás

Enquanto isso não acontece, as equipes tentam encontrar meios criativos de entreter o público, evitando que haja um distanciamento entre time e torcedor e assim os clubes não percam sua maior fonte de renda que são de seus seguidores.

Redes sociais

Uma saída encontrada para reforçar essa relação foi, como todo o resto das pessoas fizeram, investir nas interações feitas por meio das redes sociais, que hoje em dia são as mais utilizadas.

Dessa forma, muitas equipes encontraram também, nas plataformas digitais, um meio de se conectar com a população, fazendo publicações divertidas, com apelo emocional e claro com informações e novidades constantes sobre o time como um todo.

Os jogadores de futebol, por exemplo, que antes eram recebidos ao saírem dos ônibus com foguetes e gritarias, hoje recebem vídeos animados, textos de boa sorte, recados nas “timelines” e óbvio, uma energia gigantesca das torcidas feitas em casa.

Torcida Drive-in e diminuição dos salários

Uma solução bem legal também encontrada em outros países do mundo foi a implementação da torcida drive-in, que foi convidada a assistir as partidas dentro de seus carros, a partir de telões posicionados nos estacionamentos de alguns estádios. Com isso, foi possível chegar um pouco mais próximo do que se vive de verdade nas arquibancadas.

A pandemia não foi sentida somente pelos torcedores não, muitos clubes tiveram que diminuir os salários dos jogadores para conseguir enfrentar a crise financeira que vinha pela frente.

Com a arrecadação bem menor, até grandes times como o Juventus e o Barcelona cogitaram a possibilidade de redução dos ganhos dos jogadores para que o clube não sofresse tanto e pudesse permanecer estável  durante o isolamento. Impressionante, não é?!

Investimentos nas categorias de base

Outro caminho tomado pelas ligas dos esportes para evitar a crise já esperada da paralisação dos esportes foi a intensificação dos investimentos nas categorias de base dos próprios clubes.

Tal estratégia pode ser notada de forma bem fácil em muitos times brasileiros que, em 2021 têm como titulares jogadores que cresceram a partir deste processo feito ao longo de todo o ano de 2020.

Competições canceladas em 2020

Para que você entenda a dimensão do estrago trazido pela pandemia, te apresentaremos os torneios e campeonatos que tiveram de ser cancelados ou adiados em 2020 por conta do isolamento.

É fácil perceber que poucos foram os esportes que não foram afetados e de imaginar a bagunça que toda essa paralisação causou em todo calendário e também no desenvolvimento dos atletas. 

Futebol

No mundo do futebol, os campeonatos que foram cancelados foram a Libertadores da América – que inclusive teve seu término no início desse ano com a vitória emocionante do Palmeiras -, todos os campeonatos nacionais brasileiros e de todos os países, Liga Europa, Euro 2020, Champions, Campeonatos Grego, Austríaco, Turco e Uruguaio, Ligas Irlandesa, da Venezuela, do Paraguai, do Equador e muitas outras em todo o mundo.

Basquete

Os torneios de basquete também foram bastante atingidos. As maiores competições do ramo, que haviam começado ou estavam para começar tiveram também de ser canceladas como a grande NBA, a Euroliga e o NBB, que são as de mais destaque no cenário internacional, mas claro que competições menores por todo o mundo sofreram com o mesmo problema.

Vôlei

No cenário esportivo do vôlei a situação não foi diferente. Os atletas ficaram sem jogar e inclusive sem treinar por bons meses. Tal fato não ajudou em nada a situação do vôlei que, pelo menos aqui no Brasil, é de desvalorização e pouco espaço midiático.

Competições como a SuperLiga, a Champions League e a Liga das Nações foram exemplos de paralização neste esporte também.

Tênis

Apesar do tênis não ter uma divulgação tão grande como o futebol aqui no Brasil, é um esporte que também reúne milhares de adeptos e torcedores ao redor do planeta e teve de se contentar com as quadras vazias no ano de 2020. Torneios com estruturas gigantescas como o ATP, o WTA, o ITF e o FED Cup não ocorreram como planejado durante a pandemia.

Obviamente não foram somente esses esportes que tiveram de ser intorrompidos. Uma gama gigantesca de outras atividades não puderam funcionar e, ainda hoje, não podem ou têm funcionamento restrito.

Adiamento e nova data para as Olímpiadas 2020

Outro fato assustador que ocorreu devido ao assolamento da Covid foi o adiamento das Olímpiadas que estavam para acontecer no meio do ano passado no Japão.

Sem a presença, naquela época, de um funcionamento que garantisse a segurança das equipes, atletas e demais pessoas que estariam trabalhando para desenvolver o evento, não foi possível que ele fosse mantido.

Agora, com uma noção muito maior de tudo que envolve o vírus, com os protocolos de segurança mais avançados e principalmente com a contenção da doença em grande parte do Japão, o evento está marcado para acontecer no meio deste ano, 2021.

Isso não é uma boa notícia somente para o mundo dos esportes como também para os apostadores e as casas de apostas no geral, que irão ver este mercado se ampliar para os jogos das diversas modalidades que estarão sendo disputadas como natação, vôlei, futebol, tênis, ping-pong, ginástica olímpica e muitas outras.

No que apostar durante a pandemia

E-sports

Como já foi dito, durante a pandemia outros estilos de apostas cresceram com a falta do esporte físico. Para quem está na internet há mais tempo sabe o quanto os jogos digitais têm se estabelecido como parte da rotina de muitas pessoas ao redor do mundo.

E, com tantas competições acontecendo em diversas plataformas digitais, não seria diferente que as apostas tomassem conta também desse cenário. Hoje em dia, depois do estouro em 2020, jogos como League of Legends, DOTA, CS, StarCraft II, e muitos outros se tornaram o que estamos chamando de e-sports.

Essa atividade vem ganhando uma notoriedade absurda não somente como Passa-Tempo ou diversão mas como forma também de ganhar dinheiro, seja fazendo lives transmitindo os campeonatos que acontecem como também apostando nas melhores ligas, times e jogadores.

Esse assunto pode ser novo para muitos apostadores que estão mais acostumados com o clássico jogo de futebol.

Entretanto, esse ramo vem se mostrando bem forte e, para quem não deseja ficar de fora dessa oportunidade de crescer como apostador, nós do Universo das Apostas oferecemos um panorama geral de muitos desses novos jogos digitais para que você entenda como funcionam e qual é a melhor forma de se apostar neles.

Para saber mais acesse nosso blog e leia os artigos sobre esse tema

Corrida de cavalo 

Uma outra boa opção para se apostar durante a pandemia é apostar nas corridas de cavalo. Elas não foram tão afetadas durante o isolamente já que não exigem que haja um contato físico entre os competidores, fazendo com que a contaminação possa ser menor ou até mesmo evitada.

Esse tipo de aposta existe há muitos anos e é até bem conhecida e praticada no Brasil. Você precisa estar atento, caso opte por esse ramo, em escolher uma casa de aposta que inclua as corridas de cavalo em sua lista e também em qual país a corrida estará acontecendo para que você possa estudar as variáveis presentes de cada local.

Programas de televisão

Assim como os e-sports outra área que deu um salto gigantesco durante a pandemia, principalmente no seu início, foram os programas de televisão. Os mais cotados para as apostas são os realitys que possuem eliminações, como o famoso BBB, que aumentou sua audiência de maneira absurda, alcançando a casa dos bilhões de votos para eliminar um participante na edição passada.

Se você não sabe muito bem como esse tipo de aposta funciona, temos um artigo direcionado à isso que pode ser muito útil caso deseje investir nesse ramo que se estabeleceu de maneira bem forte no Brasil nos últimos tempos. Para saber mais, clique aqui.

Poker

Caso sua vontade seja seguir uma outra linha, fique sabendo que é possível investir também em esportes de mesa, como o poker. Nessa medida ele não é único, mas certamente é o mais utilizado quando o assunto é lucratividade e estratégias. É uma forma bem interessante de garantir a emoção que outros esportes também produzem.

Se esse é seu interesse, te indicamos a Dm créditos, ela te oferecerá as melhores condições para que você jogue e invista no poker da maneira mais segura possível.

Conclusão

Como visto, as coisas parecem estar voltando ao normal em muitos lugares, garantindo que os esportes consigam se reestabelecer. Apesar dessa volta possibilitar o retorno das apostas, ficou bastante claro que esta pandemia nos ajudou a perceber outros muitos caminhos em que podemos apostar.

Não deixe, portanto, de experimentar essas novas modalidades, há uma grande chance de você se dar bem nelas. 

Aqui no Universo das Apostas garantimos a melhor experiência para que você fique por dentro das principais notícias, bônus e dicas das apostas no mundo inteiro.

Não se esqueça de estar sempre cumprindo os protocolos de saúde e distanciamento, cuidando da sua saúde e garantindo a do seu próximo e também fazendo que todos esses esportes continuem acontecendo e as apostas continuem a crescer.

Acesse nosso site e saiba mais. Boa sorte com suas apostas!

COMPARTILHE